segunda-feira, 28 de setembro de 2015

Pesquisadora do NPDPS passa em concurso na UFSCar

Parabenizamos Simone Conejo, pesquisadora do Núcleo de Práticas Discursivas e Produção de Sentidos por ter sido aprovada no concurso para Psicóloga no Campus Lagoa do Sino da Universidade Federal de São Carlos (UFSCar)! O campos fica na cidade de Buri, a 130km de Sorocaba e passou a entrar em funcionamento no ano de 2014.

segunda-feira, 10 de agosto de 2015

18º Encontro Nacional da Abrapso

XVIII ENCONTRO NACIONAL DA ABRAPSO

Será realizado em Fortaleza-CE o 18º Encontro Nacional da ABRAPSO, que traz como tema Psicologia social e os atuais desafios ético-políticos no Brasil. Neste ano, a inscrição de trabalhos se dará nos formatos de Poster ou Comunicação Oral em Grupos de Trabalho (GT). Pesquisadores do Núcleo de Práticas Discursivas e Produção de Sentidos da PUC-SP propuseram os seguintes GTs:

GT 1 - A INSERÇÃO DA PSICOLOGIA NA POLÍTICA PÚBLICA DE ASSISTÊNCIA SOCIAL: DESAFIOS, DIFICULDADES E PRÁTICAS. 

GT 6 - ECOLOGIAS OUTRAS: TRAÇADOS POÉTICOS, ESTÉTICOS E POLÍTICOS


GT 11 – PERCURSOS METODOLÓGICOS INVENTIVOS E EXPERIMENTAÇÕES NA ESCRITA EM PSICOLOGIA SOCIAL.


GT 30 – PSICOLOGIA SOCIAL: DIÁLOGOS E PRÁTICAS NA IMPLEMENTAÇÃO E NO FORTALECIMENTO DAS POLÍTICAS PÚBLICAS DE SAÚDE.

O site do evento pode ser acessado clicando aqui e as chamadas de inscrição dos GTs podem ser vistas clicando aqui.

segunda-feira, 13 de julho de 2015

Artigo na revista "Interface - Comunicação, Saúde e Educação"

Foi publicado no novo número da revista Interface - Comunicação, Saúde e Educação o artigo O uso de tecnologias de comunicação de riscos de desastres como prática preventiva em saúde, tendo como autores Mário Henrique da Mata Martins (doutorando no Núcleo de Práticas Discursivas e Produção de Sentidos) e Mary Jane Spink. O artigo é fruto da dissertação de Mário sob orientação de Mary Jane.

A revista pode ser visualizada clicando aqui.

segunda-feira, 1 de junho de 2015

Chamada de trabalhos para o número especial da Journal of Health Psychology

Journal of Health Psychology
Número especial: Psicologia da saúde no Brasil
Chamada de trabalhos

O Sistema Único de Saúde (SUS) brasileiro foi fortemente influenciado, em sua concepção, pela intensa mobilização da sociedade civil organizada na década de 1980, especialmente aquela associada à saúde coletiva e à reforma psiquiátrica. O resultado dessa mobilização pode ser constatado na Constituição de 1988, conhecida como Constituição Cidadã, na qual foram definidos os fundamentos para um sistema de saúde unificado. Derivam daí seus princípios básicos: acesso universal, integralidade do cuidado à saúde e organização hierárquica de serviços. Em relação à saúde mental, foram princípios norteadores a desinstitucionalização e a implantação de serviços substitutivos, como os Centros de Atenção Psicossocial (CAPS). 

Essa nova estruturação teve impactos positivos para a psicologia, com inclusão de psicólogos em vários níveis de atendimento. Entretanto, a despeito dos avanços, os psicólogos na área da saúde enfrentam muitos desafios que incluem a falta de uma perspectiva mais específica de saúde coletiva no ensino e formação em psicologia e a necessidade de adaptação a um contexto de trabalho interdisciplinar que se contrapõe ao modelo historicamente predominante de atendimento clínico individual.

Em 2016 o Journal of Health Psychology publicará um número especial dedicado ao tema da “Psicologia da Saúde no Brasil”, tendo por foco o papel da psicologia na compreensão e no enfrentamento dos desafios à saúde no país.  

São especialmente bem-vindas submissões de pesquisadores baseados no país, incluindo aí autores iniciantes. Serão aceitos artigos de pesquisa, de revisão, e reflexões conceituais que possam trazer aportes e perspectivas críticas a respeito de questões prementes relacionadas à psicologia da saúde no Brasil. 

Serão aceitos os seguintes tipos de submissão

(a) Relatos de estudos empíricos que possam contribuir para compreender a diversidade de atuações da psicologia da saúde no Brasil (até 6000 palavras);

(b) Revisões críticas da literatura sob diferentes áreas de atuação da psicologia na saúde (até 6000 palavras);

(c) Contribuições teóricas sobre questões relacionadas com a psicologia da saúde no Brasil; (até 6000 palavras); 

(d) Relatos de intervenções em diferentes segmentos populacionais do Brasil (até 8000 palavras);

(e) Informes sobre programas de pesquisa em andamento (até 3000 palavras); 

(f) Comentários sobre questões importantes relacionadas à psicologia da saúde no Brasil (até 1000 palavras). 

Cada tabela e figura contará como 500 palavras.

Os textos serão analisados pelas editoras e submetidos ao sistema de revisão por pares (double blind peer review).

Serão aceitas submissões em inglês ou português. Autores que optarem por escrever em português terão que fornecer uma tradução profissional para o inglês após a aceitação final de seus trabalhos.

O Journal of Health Psychology é abrigado no SAGE track, sistema online de submissão e revisão por pareceristas do ScholarOneManuscripts. Sugerimos a leitura do ManuscriptSubmissionGuidelines e a visita ao site http://mc.manuscriptcentral.com/jhealthpsychology para fazer o login e submeter o artigo online. O prazo para submissão para este número especial é 30 de junho de 2015. 

Atenção: Para facilitar a identificação de trabalhos submetidos a este número especial, o título do manuscrito deve conter o prefixo SIB. 

Editores convidados: Mary Jane P. Spink, Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (mjspink@pucsp.br) ; Maria Cristina Vicentin, Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (mvicentin@pucsp.br) e Jacqueline Machado Brigagão, Universidade de São Paulo (jac@usp.br)